Adaptador de teclado PS2 para MSX – Parte 8

Olá pessoal;

Nos capítulos anteriores, explicamos detalhadamente como construir um gravador de pic gastando o mínimo de investimento e detalhamos como fazer a instalação dos programas que serão utilizados para a digitação e para a gravação do PIC.

Agora vamos finalizar essa etapa para enfim podermos entrar na construção de nosso adaptador.

Após a digitação do programa para piscar o led detalhada no post anterior, podemos digita-lo, grava-lo e compila-lo. No caso o nosso programa se chamará piscaled.c.

Caso você esteja utilizando a IDE da MPLab;

Para colocar esse programa no projeto, clique no menu “File > new”. Aparecerá uma tela de edição. Cole o programa dentro e salve como piscaled.c na mesma pasta que você salvou o projeto.

Depois adicione o arquivo clicando com o botão direito do item “source” e adicione o arquivo piscaled.c que você salvou.

ATENÇÃO – Agora é o passo onde compilamos o programa. Pressione a tecla F10. O programa é então compilado pelo CCS

Pronto! O programa foi compilado e um arquivo para enviar para o PIC foi gerado na pasta do projeto com o nome de “piscaled.hex”.

Gravando o programa no PIC.

Vamos gravar o PIC! Abra o WinProgrammer. Se você ainda não baixou e instalou ele, veja a aula sobre a construção do gravador, nos posts anteriores.

Se você já construiu o seu gravador e o testou, vamos a gravação do programa.

Clique no menu “Device > Select” e selecione o PIC 16F628A no combo.

Agora clique no menu “File > Load”e aponte para o arquivo hexa gerado pelo compilador. É o arquivo “piscaled.hex”.

Neste momento, o programa é carregado e está pronto para ser gravado no PIC.

Clique no menu “Device > Program (CODE+DATA+CONFIG)”. O processo de gravação começa, e ao final a mensagem abaixo é apresentada:

PRONTO!! O seu LED deve começar a piscar!

Se você viu seu led Piscar, você adquiriu as seguintes habilidades:

  • Você construiu um circuito micro-processado;
  • Você baixou, instalou e configurou um “toolset” para trabalhar com PIC;
  • Você sabe manipular uma protoboard;
  • Você compilou um programa em C e o gravou em um chip de silício;
  • E é claro, você fez piscar um LED!

O interessante agora, é mexer no programa, tentar entendê-lo, alterar o tempo que o LED fica aceso, apagado, etc. Vou deixar essa “brincadeira” para vocês.

Gostaria aqui de agradeçer ao Sr. Daniel Basconcello Filho que compartilhou conosco suas experiências tornando possível a construção de um gravador a um custo tão baixo, e deixar tão detalhado o método de faze-lo, que em menos de 30 minutos eu já tinha feito e testado meu gravador.

Caso haja alguma dúvida nesse processo, por gentileza não deixem de perguntar, estamos aqui para ajudar no que for possível.

No próximo post, vamos começar a construir o projeto de nosso adaptador de teclado PS2 para MSX.

Abraço a todos

Msxrevival;

fonte: http://www.robotizando.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s